Desenhos e Caricaturas de Amadeo de Souza-Cardoso | Casa-Museu Teixeira Lopes/Galerias Diogo de Macedo

Inaugurou no passado Sábado, dia 24 de Abril, a exposição Desenhos e Caricaturas de Amadeo de Souza-Cardoso, na Casa-Museu Teixeira Lopes/Galerias Diogo de Macedo, em Vila Nova de Gaia. Esta mostra tem curadoria de Catarina Alfaro e representa uma parceria entre a Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia, o Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e o Museu Municipal Amadeo … Continue a ler Desenhos e Caricaturas de Amadeo de Souza-Cardoso | Casa-Museu Teixeira Lopes/Galerias Diogo de Macedo

Alberto Giacometti-Peter Lindbergh. Capturar o Invisível | Museu da Misericórdia do Porto

Após um ano de adiamento, a cidade do Porto deu, no passado dia 15 de Abril, as boas-vindas à exposição Alberto Giacometti-Peter Lindbergh. Capturar o Invisível, patente do Museu da Misericórdia do Porto (MMIPO). Esta mostra, que nasce de uma colaboração com a Fundação Giacometti e a Fundação Peter Lindbergh, reúne cerca de 110 obras (seleccionadas por Lindbergh), entre esculturas em bronze, desenhos e fotografias,. … Continue a ler Alberto Giacometti-Peter Lindbergh. Capturar o Invisível | Museu da Misericórdia do Porto

Louise Bourgeois – Descalçar um Tormento | Serralves

Louise Bourgeois (Paris, 1911 – Nova Iorque, 2010) foi uma artista franco-americana mais conhecida pelas suas instalações e esculturas de grandes dimensões, embora também tenha trabalhado outras áreas e técnicas. A sua obra não está afiliada a nenhum estilo específico, embora sejam visíveis semelhanças com os trabalhos dos Surrealistas e a Arte Feminista e tenha realizado exposições com os Expressionistas Abstractas. Louise Bourgeois, Personages, 1947-1954. … Continue a ler Louise Bourgeois – Descalçar um Tormento | Serralves

R. H. Quaytman – O Sol Não se Move, Capítulo 35 | Serralves

R. H. Quaytman (Boston, 1961) é conhecida por usar a sua obra, com base na tradição da arte conceptual, como forma de reinventar a Pintura. Alcança esse resultado através da criação de tensões, como narrativa/abstracção, superfície/profundidade, pictórico/escultórico, único/múltiplo. A sua obra nasce a partir de um “diálogo com a história da arte, a História do Século XX e posterior e a sua própria história pessoal”. … Continue a ler R. H. Quaytman – O Sol Não se Move, Capítulo 35 | Serralves

Hugo Canoilas – Pólipos Cnidários Reparados Pelo Olhar do Observador | Serralves

Hugo Canoilas (Lisboa, 1977), licenciado em 2001 em Belas Artes na Escola Superior de Artes e Design e mestre em 2006 em Pintura na Royal College of Art em Londres, vive actualmente em Viena e é um artista cuja obra se foca sobretudo na reinvenção da linguagem da pintura. Para ele trabalhar vários meios e práticas é um modo natural de abraçar a contemporaneidade e … Continue a ler Hugo Canoilas – Pólipos Cnidários Reparados Pelo Olhar do Observador | Serralves